O obituário no jornalismo

Paulo_da_Rocha_Dias_Aparecido_Santos_do_Carmo.jpg

O obituário no jornalismo

di Paulo da Rocha Dias, Aparecido Santos do Carmo

O obituário, um entre os vários formatos jornalísticos que fazem uso da linguagem em sua função poética, representa desde muitos anos um novo atrativo para os leitores de jornais. Existente desde tempos muito remotos, este renasce nos anos 1980 como a mais apreciada forma de escrita criativa e expressão literária no jornalismo mundial. O fascínio acontece por ser um tipo de informação cujo foco tem a ver com o cotidiano das pessoas. São histórias de vida. O real, o vivido, a peripécia, o anedótico apresentados com graça, emoção e interesse humano. Da primeira à última página deste livro, aprendemos que os obituários não são escritos sobre a morte, mas sobre histórias de vidas bem vividas e como elas ajudaram a dar feição à sociedade.

  • Creato il .
Condividi
FaceBook  Twitter  

© Copyright Pontificio Istituto per le Missioni Estere - P.I.M.E.

Direzione Generale: Via Monte Rosa, 81 20149 Milano - Italia - Tel. 02 438201 Fax 02 43822699